quinta-feira, 14 de abril de 2011

ESTOU SEM...

COMPUTADOR.

Por este motivo, estou postando com mais frequencia, no twitter - clik sobre a foto à direita da página e confira.

Quase sempre a noite, posto o que entendo seja mais relevante, no 


Quase sempre a noite, posto o que entendo seja mais relevante, no blog dede seixas 

Espero em breve voltar a normalidade. 


A todos, abraços, Paz e muita luz

sábado, 2 de abril de 2011

Absoluta realidade

Na vida, haveriam bem menos obstáculos a transpor, não fosse a existência de tantos(as) canalhas.

quinta-feira, 31 de março de 2011

ATENÇÃO Vigilância Sanitária de Garanhuns!

Há focos de mosquitos da dengue nas imediações do prédio da UAG (UFRPE).

Para ser mais preciso, sentei por alguns instantes sobre um dos bancos d pracinha por trás da UAG - estava de bermudas - quando sentí picadas de mosquitos nas pernas. Quando verifiquei, havia vários mosquits com características semelhantes ao mosquito da dengue. Postei no twitter tentando comunicar a Vigilância Sanitária, mas ao que parece não logrei êxito.
Resultado: a dita cuja me pegou de jeito desde domingo, e tá demorando a ir embora.

segunda-feira, 21 de março de 2011

Demorou, mas a 'conta gôtas'

Estamos voltando ao "gramado".
Depois de quase dois meses postando de 'pitadas', com a Graça de Deus, estamos recomeçando a postar.
Por enquanto, postaremos nosso ´blá blá blá' cotidiano no http://twitter.com/u_pensador  e no http://dedeseixas.blogspot.com As principais notícias Mundo afora, no ugarimpeiro - twitter
Com o passar do tempo, espero voltar a ´forma' como dantes.

terça-feira, 8 de março de 2011

Homenagem a Mulher - poemas

Mulher, tema preferido, por quase todo poeta; talvez porque qual a flor, toda sensibilidade, traduz e ele interpreta.

Mulher alma tão sensível, que em sua sabedoria, Deus confiou Jesus Cristo, ao Coração de Maria.

Mulher é um ser tão nobre, que Deus prá simbolizar, parece Criou a rosa, tão frágil porém tão bela, para lhe Presentear.

Mulher, esse ser tão frágil, talvez aparentemente, pois é capaz d'espargir, amor incondicional, a todos os continentes.

Mulher em qualquer nação, seja rica ou seja pobre, seja branca ou seja negra, em qualquer parte do Mundo, sempre tem a alma nobre.

sexta-feira, 4 de março de 2011

Poucas Palavras

"Metrô é alternativa para evitar trânsito em New York". Bike é alternativa para "frustrar" empresasários do transporte  coletivos em Garanhuns Pensem nisso!

Meu Deus! Até quando veremos tantas denúncias de desvios de verbas, corrupçao e similares? Quando os homens entenderam que hão de prestar contas?

Alguém consegue "passar a passos largos" ao se depará com "casais com crianças de 'corbrir com chapéu' esmolando nas esquinas?

Eu só devo dizer estou muito bem, se meu vizinho também estiver bem. Pensemos nisso e o Mundo melhorará a passos largos.

"Aquele cuja afabilidade e doçura não são fingidas, nunca se desmente; é o mesmo, tanto em sociedade, quanto na intimidade". (Lázaro)

"Hipocrisia é o hábito humano adquirido de aparentar o que nãosomos, em razão da nescessidade da aprovação de grupo social em que convivemos" Ermmance Dufaux

"As vivências sociais humanas com suas exigências materialistas conduzem o homem à aprendizagem da hipocrisia". Wanderley Soares

Não fique "tristonho se está cheio de problemas" ou se está "vivendo um "mar de rosas". Seja o que fôr não é permanente. Tudo na vida há de passar.

Muita vez, mesmo conhecendo o "caminho Sugerido por Jesus", nos desviamos... Daí, a "acertiva": entre teoria e prática a diatância é imedível.

"Narram" que, Eurípedes Bassanufo ao "desencarnar, chegou à Jesus; que, Estava Chorando: - por que Choras, Senhor? Ele, Respondeu: Pelos que "Me conhecem". Não é difícil imaginarmos o porque.

Convite à reflexão

Ciência e amor

"Sondas espaciais libertem-se da gravidade terrestre e pesquisam o sistema solar .Entretanto, o pensamento humano ainda rasteja na inconcequência.

A ciência recupera cérebros doentes. Mas a idéia criminosa ainda grassa no Mundo.

Laboratóris aperfeiçoam antídotos.Todavia, o veneno da inveja semeia a discórdia.

Instituições científicas recomendam cuidados à infância. No entanto, o menor abandonado ainda é mazela deplorável.

Descobertas notáveis prolongam a vida. Mas o homicídio ainda ocupa as manchetes.

As transmissões por satélites artificiais aproximam os povos. Entretanto, interesses misqinhos incitam a guerras entre as nações.

É inegável que o progresso científico atesta a evolução intelectualdhomem. Porém, só o amor é capaz de engrandecer-lhe o coração para que aí, se edfique o Reino de Deus".

André Luis/Antonio Baduy

quinta-feira, 3 de março de 2011

Poucas palavras

Jamais devoches de alguém por está alguns degraus abaixo de te no contexto de sociedade; Não estarás livre de substituí-lo.

Quanto segredo escondido no piscar de um vagalume

Mas prá alma traz alento não há quem caucule o tanto.

Mesmo que entendas estares num deserto

Por certo há Alguém que te Ilumina os passos.

Pois saibas que nem por um momento

Olvidrá de Te estender os braços.

Convite à reflexão

Realeza

A realeza como fignidade não é privilégio dos reir ou dos condutores das nações.

Há uma realeza no trabalho que orna o caráter.

Governança doméstica e o coração maternal se coroa com a realeza do amor na criação dos filhos

Edificante nas mãos o símblo da fé viva de atividade espiritual, tanto quanto o soldado enobrecido obtem a ordem.

O magistrado é portador da realeza da justiça, tanto quanto o médico conserva a soberania da arte da cura.

Há realeza de todas as procedências.

Nãoa esqueçamos que de que realeza não nasce do título de nossas afirmativas convencionais, mas da maneira pela qual nós utilizamos das possibilidades de servir.

Honra a confiança do Altíssimo, que te confiou o refúgio do lar. a beleza da escola, o calor da oficin ou o talento da profissão que te dedicas.

Angaria a gratidão pelo dever cuymprido. Engrandece-te assim onde te encontras.

Emmanuel/ Chico Xavier

quarta-feira, 2 de março de 2011

Poucas palavras

Começamos o poucas palavras de hoje, de maneira diferente. Ouvir no rádio uma "reflexão" quanto ao nosso ACORDAR cotidiano, e achei por bem, compartilhar com vós outros. Confiram:

"Neste exato momento, convido você a ACORDAR. Vou lhe fazer uma pergunta: permita-se parar e pensar por alguns minutos.
Quando digo a palavra acordar, o que vem a mente? Penso no que isso pode representar na sua vida hoje. Peguntei a algumas pessoas o que significa a palavra "acordar". obtive estas respostas: "abrir os olhos;  "enxergar o que não estou vendo; ficar esperto; perceber; despertar; eu na minha cama; uma coisa boa; levantar; preguiça; mau humor; enxergar o que não estou vendo; Choqualhar; despertar para uma nova coisa; começar um dia novo; renovado após um sono; cumprir minhas tarefas; entrar em algo novo...
Como esperado, percebemos que "acordar" tem diferentes significados e representações na vida de diferentes pessoas, pois cada ser humano é único. Desafie-se a inverter a ordem das sílabas da palavra acordar e encontre um novo significado.
Provavelmente, o resultado será A COR DAR... Pergunto prá você agora: quando você acorda; você dar cor ao que? Se você é um executivo, um líder, um estudante, um aposentado... seja lá você o que for, quando acordar, dedique alguns minutos para pensar a que você quer dar cor no seu dia.
Pense num objetivo que quer alcançar, numa tarefa que deseja realizar, em algo que pretende melhorar, algo diferente que deseja experimentar.
Mas ao acordar, sempre dê côr a alguma coisa. Quando você sabe o que quer e a onde quer chegar, você tem grande chance de conseguir.
E sempre comemore os resultados alcançados, mesmo não sendo o esperado. Comemore o seu aprendizado. Há um ditado popular que diz: se você fizer o que sempre fêz, obterá os mesmos resultados. Caso você não esteja conseguindo o que deseja, faça algo diferente.
Utilize uma nova estratégia, crie uma nova receita para o seu doce na vida e desenvolv uma nova forma de desfrutar as maravilhas de viver.
A comemoração é uma jornada, não um destino. A jornada continua, e está em nossas mãos. Chega de dormir. Vamos A CÔR DAR.
O que aprendí hoje? Conseguí atingir meus objetivos? Se não, o que preciso fazer para alcançá-los? Colorí meu dia como quando o que foi proposto quando acoredei?

Convite à reflexão

Normas de educação

Deus nos amapras, afim de que amparemos aos mais nescessitados do que nós.

Ajuda-nos para que ajudemos.

Revela-nos as faltas, de maneira a revelarmos as faltas dos outros.

Socorre-nos em nossas nescessidades, de modo que socorramos as nescessidades alheias.

Guarda-nos a a fortaleza de ânimo, afim de que possamos fortalecer os companheiros mais fracos do que nós.

Educa-nos para que saibamos educar.

Em suma, esta é a norma de luz da Providência Divina: auxilia e serás auxiliado.

Chico Xavier

terça-feira, 1 de março de 2011

Poucas palavras

Coisa de maluco?
Imaginei-me agora, à beira de um riacho, deleitando-me com lumiar dos pirilampos e ouvindo o coaxá dos sapos e rãs.

Saudade daquele tempo em que na roça eu vivia, na madruga acordava prá cuidar da vacaria.

Selava o cavalo baio, fosse inverno ou verão prás campinas galopava, fosse em qualquer estação.

Voltava soltando aboios lás prás bandas do sertão, depois de ordenhar as vacas, abrigava a bezerrama.

Abastecia a cocheira, de palma camim e rama, carpinar o campo eu ia como peão tinha fama.

Lá pelas dez da maatina, pra casa grande eu volta, era'hora do desjejum, assim Joana falava.

Era uma nêga faceira, q'ue até arrepio dava.

Cuscus, xerém e coalhada, leite, queijo era'abundante, depois prós compos voltava, prás campinas verdejantes.

Pense numa vidaboa, apesar des er sofrida, em todo canto q'andava, era nobre a acolhida.

As filhasdos fazendeiros, sempre me davam guarida.

Lá pa dispois de meio dia, Joana chegava na roça.

vinha trazer nosso rango, feijão de corda e farofa.

Cum carne sêca de bode, ou c'argum cuei ou preiá.

Quí a gente cumia tanto quin'panbava a pamça nossa.

Quando num tinha mixtura, ninhum pião simportava.

Cumia fazendo bolo; carmão até mersu suja.

Tendo pimenta de chero, ninguém se incomodava.

Cumia fazendo prosa.

Un'a cabaça ou muringa, cheia d'agua ela trazia.

Pa tudin matar a sêde, e mermo sendo salôba; a gente num pricibia.

Êita vidinha arretada, sufrida mai vantajosa. poi ante de anoitecer, pá casa tudin vortava.

Butava inchada nas costa, e uvindo o bacurau, qui'ainda cantarolava.

Dormia até ao relento, quando o calor sufocava, cobertor não precisava, pois a noite com seu manto, nos enviava as estrelas, e a Lua completava, e prá'nimar a peaozada, a cotovia cantava.

Convite à reflexão: violência

Violência

"Reprovamos a violência e clamamos contra a violência, no entanto, na vida de relação, muito raramente nos acomodamos sem ela quando se trata dos nosos intereses.

Muito comum, principalmente quando amamos alguém, exigimos que esse alguém se nos condicione ao nosso modo de ser.

A Natureza é um mostruário de variedades com que a Sabedoria plasmou a Criação.

Todas as flores são flores, mas o gênero não tem as características do cravo e nem da rosaou as da violêta.

Ademais, cada flor tem o seu perfume. Assim, também, as criaturas. Cada pessoa respira em faixa diversa de evolução.

Justo nos defendermos na companhia daqueles que sentem e pensam como nós, usufruindo os valores da intimidade.

Entretanto, sempre que amamos alguém que não comunga nosos idéias e emoçõs, abstenhamo-nos de lhe violentar a cabeça c os moldes em que se padroniza nossa vida espiritual.

Deus não dá cópias. Cada um vive em determinado plano da criação, segundo as Leis do Criador".

Emmanuel/Chico Xavier

segunda-feira, 28 de fevereiro de 2011

Poucas palavras

Se há algo neste Mundo que quanto mais damos nos sobra, é o sentimento de amor se aplicado em boas obras. Pensenos nisso.

Usar o tempo ocioso para praticar o bem, não se enganem: só ganhamos; quando ajudamos alguém. Isso é fato.

Quanto segredo escondido no brilhar de um pirilampo; mas prá alma trás alento não há quem caucule o tanto.

Ouvir o canto dos pássaros no riacho ou na floresta, nos transporta-nos além fronteiras deixa nossa alma em festa.

No despencar de uma folha de uma árvore imponente, quantos Segredos revelam aclarando a nossa mente.

Escuta as 'vozes' do Alto que 'bradam' tenhas certeza; para entendê-las só basta, vislubrar a Natureza.

Mesmo que ninguém no Mundo enteda o que penso e digo, prosseguirei 'semeando' nos 'traços' encontro abrigo.

Mesmo que entendas estares num deserto, por certo Alguém te Ilumina os passos. Pois saibas que nem por um momento, Olvidará de te Estender os Braços.

Jamais "deboche de alguém" por está alguns "degraus" abaixo de você no contexto de sociedade; voc não está "livre" de substituí-lo.

Retratos do cotidiano

Quando abrí a porta ao amanhecer, fiquei chocado ao ver um ancião com um saco às costas, "revirando lixo". Depeis pensei: o ancião "revirando lixo, catando latinhas e outras bugigangas, tá cumprindo o "seu papel" em termos de evolução do Ser, quiçá, resgatando débitos contraídos no passado.

Considerando a "situação" que constatei numa família com cinco crianças, umas das causas da "desagração familiar" é o fator econômico.

Se faz sentido a "Teoria da Evolução" noutra existência eu devo ter pertencido a "cadeia" dos animais de abate. Pois, sempre que deglusto carne - de qualquer espécie - penso na "agonia" do animal quando está sendo abatido.

O Mundo agradeceria se ao invés de se dizer "vou derrotar meu concorrente" se dissesse "unidos seremos mais". Pensemos nisso.

Se alguém já "bateu nessa tecla" eu não ví. Pois no meu pensar um dos maiores "buracos negros" no Brasil, são os "parasitas" do "sistema".

O nosso proceder, norteia o nosso viver. Se praticamos o bem  retornará em dobro; se o mal, retornará inúmeras vêzes mais. Pensemos nisso.

Independentemente se seguimos uma denominação religiosa ou se nos dizemos ateus, o nosso agir cotidiano, retrata o nosso SER.

Ninguém se iluda do contrário: colheremos - inevitavalmente - aquilo que plantamos. Se flôres, colheremos flôres. Se espinheiros,colheremos espinhos.

Meu lado "sombra" dormí e sonhei que tava n sítio colhendo frutas e escondendo as melhores prá mim. Até em sonho, ainda sou egoísta.

Revendo meus posts de hoje no twitter - deles, parece contraditóriis - comecei a entender o porque de "o ser humano ter múltiplas personidades".

Convite à reflexão: Ante o Mundo e Jesus

"O mundo pede socorro a Jesus. Ele atende, porém, espera por nós.
O mundo roga paz. Jesus transmite tranquilidade, todavia, a todos estimula para que nos auxiliemos na fraternidade.

O mundo suplica apoio para livrar-se do ódio. Jesus é recurso libertador que propõe a paciência e o trabalho solidário entre as criaturas.

O mundo promove desespero e algaravia. Jesus doa sillêncio e fé. Compara as incertezas do mundo e a segurança com Jesus.

Considera os impositivos de fora, no mundo, e as forças interiores que se haurem em Jesus.

Tua vida física em dado momento cessrá, enquanto a tua realidade espiritual com Jesus jamais terminará.

As vitórias externas esmaecem e passam, as íntimas se fortalecem e ficam. Ninguém jamais fugirá da sua nascente Divina".

Emmanuel/Chico Xavier

domingo, 27 de fevereiro de 2011

Poucas palavras

MOMENTO INTROSPECTIVO

Não diga "não é justo" quando dificuldades "baterem na sua porta", pois está escrito: "uma folha não cai sem que Deus Permita.

Não diga "como o calor está terrível", e sim, obrigado Deus porque não fosse o calor, muitas árvores não dariam frutos.

Não diga "tá difícil transpor os obstáculos", e sim, obrigado Deus porque me Deste a oportunidade de evoluir, refletindo sobre as minhas imperfeições.

Não diga "quão difícil é suportar minha família", e sim, obrigado Deus porque me Deste uma família difícil para o meu melhoramento interior.

Não diga "quão difícil é acordar cedo para ir ao trabalho" e sim, "obrigado Deus porque me Deste um trabalho.

Não diga "quão difícil é carpinar meu jardim"; e sim, "obrigado Deus porque me Deste um jardim para carpinar.

PODER DA MENTE

Sempre que conheçamos alguém que padeça de alguma infermidade, lembremo-nos sempre de elevar a Deus uma prece silenciosa, em prol desse alguém.

RESIGNAÇÃO

Dai-me Senhor, fé para saber perdoar, e entender que todos os males que sobre mim caírem, terá sido para o meu melhoramento interior.

Dai-me Senhor, entendomento para perceber que por mais que eu ache que a "carga" é pesada demais para suportar, é mais leve do que eu merêço.

Dai-me Senhor, resignação para suportar os reverses da vida, e resignação para prosseguir tentando.

Dai-me Senhor, discernimento para poder entender que, quando alguém age de mau humor quando a mim se dirige, tem razões para tal.

Dai-me Senhor, sensibilidade de entender as reais nescessidades das pessoas, observando apenas seus olhares.

Frase des_pretenciosa: sensibilidade: palavra bonita que deveria aflorar - não apenas a palavra, mas sim, o sentimento no coração das pessoas.

Convite à reflexão: discurssão diálogo

Da discussão nasce a luz", afirmam as pessoas interessadas em debates. Mas, nem sempre.

O diálogo facilita o entendimento; insistem os afeiçoados às discórdias. Não,comumente.

Quase sempre os discutidores fecham-se em pontos de vista de que não abdicam, contendo, mais para falarem o que pensam do que para ouvirem o conceito de que discordam.

Se falecem argumentos, as pessoas se exaltam, fazem-se azêdas, deseducadas, e raivosas.

Isso resulta em aborrecimentos e partidos, dividindo e fomentando animosidades.

Para que a discussão seja proveitosa, é preciso que os indivíduos estejam bem informados e honestamente desejosos de aprender e ensinar.

Expor, sem impor, aclarar, sem confundir.

Nunca se deve buscar a vitória sobre o oponente, e sim o triunfo da melhor idéia a bem de todos.

Resguarda-te das discurssões acaloradas. Se nescessário, mantém diálogos aclaratórios, mas sempre com bom humor e fraternidade.

Importante não é ganhar contendas; é conquistar corações para o bem e o progresso de todos.

Joanna de Ãngelis/Divaldo Franco

sexta-feira, 25 de fevereiro de 2011

Poucas palavras

Sensibilidade: palavra bonita que deveria aflorar - não apenas a palavra, mas o sentimento no coração das pessoas.

Em Garanhuns, a tese de que "coisa pública é coisa de ninguém" faz sentido; os imóveis locados pela Prefeitura têm preços no mínimo, dobrados!

Uma das formas de se combater a violência, é, estender a mão a quem precisa. P ex.: não negar moedas a lavadores de para-brisas nos semáforos.

Para Bus Andantes : o percurso de centro d Garanhuns à Cohab II a pé, leva-se uns 20 minutos. Ou seja: muita vez, espera-se o buzão mais tempo que isso. Eu, prefiro andar de bike. 

Lí uma matéria sobre aposentadoria para mendigos e pensei: o Mundo tá melhorando; eles são tão gente quanto qualquer magnata e merecem respeito e proteção do Estado. Ninguém é mendigo por opção, e sim pelas circunatâncias!

Sugestão aos adolescentes: não substituam seus estudos por nada! Fiz isso, e me tornei um "quase nada" na labuta pela sobrevivência.

A frase "dinheiro não compra felicidade" pode não ser literal; mas q contribui uns... 50% é fato.

Reflitamos sobre:

Não diga "quão difícil é carpinar meu jardim" e sim "obrigado Deus porque Me deste um jardim para carpinar".

Não diga "quão difícil é acordar cedo para ir ao trabalho" e sim "obrigado Deus porque Me Deste um trabalho".

Não diga "tá difícil transpor os obstáculos" e sim "obrigado Deus porque Me Deste a oportunidade de evoluir, refletindo sobreasminhas imperfeições"

Não diga "como o calor tá terrível" e sim "obrigado Deus porque não fosse o calor, muitas árvores não dariam frutos.

Não diga "não é justo" quando dificuldades "baterem em sua porta" pois está escrito: "uma folha não cai sem que Deus Permita"

Convite à reflexão

Caros amigos, depois de uma 'pausa' involuntária, com a Graça de Deus, estamos voltando ao "gramado" hoje, incerindo uma nova coluna, no intuito de convidá-los a uma breve reflexão diária, quanto ao nosso dia a dia na Terra. Começaremos com uma "mensagem de Emmanuel/Chico Xavier, denominada OURO E AMOR, a seguir:

"Há expressivos depósitos de ouro nos bancos de todos os povos; e as nações continuam a gemer sob o guante da guera.

Há toneladas de ouro no corpo da Terra;e, em sua crostra, há quem chore de moléstia e fome.

Há imensa quantidade de ouro no seio do oceano; e a dor abarca todos os continentes.

Há ouro nas casas nobres, e os pequenos castelos da desilusória felicidade humana, padece o assalto de extremas desilusões.

Há ouro nos templos de pedra, e os crentes da fé religiosa jazem famintos de paz e consolção.

Há ouro na indumentária de sacerdotes e magistrados, de homens poderosos e mulheres felizaes; mas os museus gelados aguardam essas peças preciosas que se movimentam rumo ao silêncio da morte.

Acima do ouro, porém, reina o amor no coração humano; amor que  sorrí para os infortunados e lhes renova o bom ânimo que visa o bem geral.

Desenterra o talento do amor que jaz em teu peito e tua existência brilhará, qual só de esperança".

sábado, 5 de fevereiro de 2011

Com a Graça de Deus, estamos voltando...

Ficamos sem NET por quase um mês. durante este período, fazia postagens diariamente no twitter.

CLIK SOBRE O BANNER ABAIXO E CONFIRA

CLIK SOBRE O BANNER ABAIXO E CONFIRA
Nossas postagens no twitter
Estamos voltando sim, porque nada nem ninguém, pode
"interferí" na Vontade de Deus. Por mais que dure uma "nuvem" mais densa, o vento a dispessará. Paz e Luz para todos.

quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

Poucas Palavras

Tadinhos dos políticos brasileiros! Estão voltando ao "gramado" hoje, com a "árdua" missão de comparecerem ao "trabalho" duas a três vezes por semana. Quase igual ao dia-a-dia do trabalhador.

"Navegando contra a maré": e perdoem os "fiéis" telespectadores do BBB mais no meu - limitado - modo de ver, classifico tal Fuleragem como: BesteraisBundas e Bacanais.

Pensando bem "mania de grandeza" está no DNA. Parei em frente a uma casa de uma Entidade respeitável em Garanhuns, um gurí "arremessor - apartir do jardim da dita cuja - uma bola sobre o teto do meu carro, que danificou - de leve - o teto. Um gurí saiu à calçada - de "nariz impinado" - como quem queria devorar-me pelo pelo jeito de olhar, como a dizer: "quem mandou parar aqui"?

Penso e digo: Política, futebol e ... (depois cito a outra) quem dá mais leva! E o "eu quero é me arrumar" prevalece.

Que há indivíduos de má índole, certamente que sim. Todavia, a maioria dos que "ingressam no mundo do crime" são "frutos" da sociedade excludente.

É pouco provável que, haja pessoas que não tenha duas personalidades: uma para o 'consumo' aceitável pela sociedade hipócrita, e outra 'inrustida'.

A frase "cada povo tem o governo que merece" tá mais atual do que nunca!!! chorar o "leite derramado" tardiamente não faz o menor sentido.

É provável que, minhas frases 'sem nexo' desagrade a maioria. Mas é através delas que "vomito" meus anseios, desejos e decepções.

Pensando bem Felicidade existe; difícil é encontrar o itinerário prá se chegar até ela

Reflexão: questão de escolha - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 105020 Ontem: 200

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Poucas Palavras

Algo como: omissão, medo e covardia, corroboram para que canalhas e similares, se locupletem, prejudicando outrem. Pensemos nisso.

covardia e medo certamente estão no "topo da mirâmide" do "caus" no Mundo.

Muita vez, não externar o que pensamos é porque, há muito tempo, temos no nos´so íntimo, um silêncio bastante parecido com estupidez.

Babaquiando no dia a dia, aprendemos que, conviver com intoleráveis, é mais fácil que, sobreviver sem pessoas amáveis.

Reflexão: Valores e moedas - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 104820 Ontem: 110

domingo, 30 de janeiro de 2011

Poucas Palavras

Perguntar não ofende: vender-se e obter maravilhosas benesses, ou manter-se na integridade do Ser e arcar com as consequências? Alguém certamente dirá: "ninguém se importa". Eu me importo. E pago o preço.

Pensando bem tô ganahndo tanto dinheiro que vou investir em aves; comprar uns dois  quilos de frango, por semana, e, investir em altomóvel: trocar minha saveiro 97 por um  fusca 72.

Babaquiarizando: travei; preciso reinicia-me! Enquanto o sono não vem, vou babaquiarizar. Prá que levar a vida assim tão a sério?

Sugesta aos jovens: vivam cada ato desse magnífico espetáculo que é a VIDA; não corram o risco de lamentar ter perdido as cenas principais como eu fiz.

Bem disse o poeta: "Eu tenho medo, medo tá por fora, medo anda por dentro do meu coração...". E é esse sentir medo que subtrai-nos inúmeras  possibilidades...

Entre a razão e o coração, muita vez optamos pela 1ª opção, e, ficamos a lamentar o que não mais tem solução.

Reflexão: Quando deixei de ver a lua - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 104710 Ontem: 190

sábado, 29 de janeiro de 2011

Reflexão: Valor pessoal - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 104520 Ontem: 180

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Poucas Palavras


Reflita sobre : não deixe de comer carne; apenas no momento em que estiver saboreando um suculento pedaço de, pense na aflição do animal ao ser abatido.

Quem sabe mas tarde consiga rabiscar algo. Mas no momento, não sai nada. Deu 'branco' geral..

Reflexão: Valor imperecível - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 104350 Ontem: 205

FEIRÃO NA REDE: clik aqui e confira

FEIRÃO NA REDE Criamos esta página, para dá suporte ao blog ugarimpeiro, para proporcionar aos leitores uma espécie de interatividade, em tratando-se de: profissionais liberais, comércio interativo - compra/venda/troca de bens em geral, pelo qual cobraremos uma péquena taxa, desde que concretizado negócio(os). Para anunciar, por favor, faça-o em comentários ou entre em contato conosco. é só ligar: (87) 9922 2432 - TIM (87) 8101 2948 - VIVO (87) 9157 7877 - CLARO. Esperamos que 'adotem' a ídéia.

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Poucas Palavras

Ví na TV a "perseguição aos trabalhadores informais no Rio de Janeiro" e pensei: é assim que querem diminuir a violência? Que alternativa terão aquelas famílias para sobreviverem? Bom senso, senhores; violência só tende a espargir mais violência. E a tendência do ser humano para sobreviver é, buscar todos os meios ao seu alcance 

Vendo a preço de ocasião: uma chácara a 4 KM de Garanhuns e um prédio c ponto comercial n bairro Brasília. Contate-me: (87) 9922 2432.

Ser feliz não significa não ter problemas, e sim, aprender a lidar com eles. Hoje mesmo, tava eu um tanto desorientado por está enfrentando alguns dilemas, quando, uma camionete quebrou bem em frente a minha porta, e, comecei a refletir sôbre. O proprietário da mesma, tem muito mais problemas do que eu - o conheço - e saiu do veículo sorridente. mais uma lição de vida.

Devemos ser vigilantes com nossos sentimentos Pois, eles podem nos conduzir ao Paraíso ou ao inferno.

Frase sem nexo: se você ainda não encontrou sua metade da laranja, Não fique triste pege metade de um limão, adcione água e acúcar e faça um ponche. É delícia.

Já dizia alguém: "enquanto os cães ladram a caravana passa". De manhã, postei uma manchete, na qual a Fundação Sarney está sen "investigada pelo MPF." A tarde, fiquei sabendo que, Sarney quer - e vai ser - presidente do Senado de novo. Alguém duvida? brazil.zil.zil.

Reflexão: Gesto anônimo - áudio

Mais Breves Reflexões
Breves Reflexões
Áudios, Slides, Mensagens, etc...

Acessos até agora: 104145 Ontem: 210

Palavras dos pensadores

Viajando de maneira diferente – I (PauloCoelho)

Desde muito jovem descobri que a viagem era, para mim, a melhor maneira de aprender. Continuo até hoje com esta alma de peregrino, e decidi relatar algumas das lições que aprendi, esperando que possam ser úteis a outros peregrinos como eu.
Evite os museus. O conselho pode parecer absurdo, mas vamos refletir um pouco juntos: se você está numa cidade estrangeira, não é muito mais interessante ir a busca do presente que do passado? Acontece que as pessoas sentem-se obrigadas a ir a museus, porque aprenderam desde pequeninas que viajar é buscar este tipo de cultura. É claro que museus são importantes, mas exigem tempo e objetividade – você precisa saber o que deseja ver ali, ou vai sair com a impressão de que viu uma porção de coisas fundamentais para a sua vida, mas não se lembra quais são.